CANAL MEMÓRIA DA TV (escolha uma atração para assistir)

CONTROLE REMOTO (especial) - TÚNEL DO TEMPO

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Morre a atriz Marly Bueno


A atriz Marly Bueno morreu na madrugada desta quinta-feira (12), no Rio, aos 78 anos. A informação foi confirmada pela assessoria do Hospital Copa D'Or, na Zona Sul da cidade, onde a atriz estava internada.
De acordo com boletim médico divulgado à tarde, ela estava na UTI pós-operatória do hospital desde 29 de março com diagnóstico de peritonite, uma intensa inflamação abdominal de causa infecciosa. A atriz passou por uma cirurgia de urgência, mas desenvolveu mau funcionamento cardiovascular, respiratório e renal, o que piorou  a cirrose hepática e o mieloma múltiplo, doenças anteriores à internação. A morte, segundo os médicos, foi à 0h desta quinta-feira, devido à disfunção de múltiplos órgãos.


A atriz participou de várias novelas na TV Globo, entre elas "Páginas da vida", na qual viveu a madre Irmã Maria, e "História de amor", em que interpretou a rica Rafaela. Atualmente, estava na Record, na minissérie "Rei Davi", em que vivia a vilã Ainoã, mulher do rei Saul (Gracindo Jr.).

Marly foi uma das primeiras mulheres a aparecer na televisão brasileira, ao lado da irmã, Miriam Simone, em 1950. Nascida em São Paulo em 19 de junho de 1933, com nome de batismo Amalia Angelina Marly D'Angelo, ela foi apresentadora de TV nas décadas de 1950 e 1960. De 1965 a 1979, esteve à frente do programa Miss Brasil.

Atuou também no cinema, inclusive no último filme de Oscarito, "Entre mulheres e espiões", em 1961. Em 1999, contracenou com o ator Anthony Quinn em "Oriundi", longa da Warner Bros rodado no Brasil.


Informação: G1

Um comentário:

Anônimo disse...

Gostaria de saber i nome da musica onde Dafa de Belem contracena com Fabio Junqueira.